• rz publicou uma atualização 1 semana, 3 dias atrás

    Nilton – R3 Animal: R3 Animal realiza a soltura de 10 pinguins na Praia do Moçambique, em Florianópolis
    Nilton – R3 Animal: Chegou o momento de mais um grupo de pinguins-de-Magalhães (Spheniscus magellanicus) voltar para casa. São 10 aves que foram liberadas ao habitat natural, na manhã desta quarta-feira, 14, na Praia do Moçambique, em Florianópolis. Este é o terceiro grupo a ser liberado este ano desde meados de outono, início da temporada anual de migração dos pinguins desde a Patagônia/Argentina.

    As aves soltas haviam sido resgatadas no litoral catarinense entre junho e agosto, pelas equipes do Projeto de Monitoramento de Praias da Bacia de Santos (PMP-BS) e foram reabilitadas no Centro de Pesquisa, Reabilitação e Despetrolização de Animais Marinhos (CePRAM/R3Animal), em Florianópolis.

    Das 10 aves, três foram resgatadas pela equipe do PMP-BS junto à Universidade de Joinville (Univille), na região de São Francisco do Sul. O Instituto Australis foi o responsável pelo resgate de duas aves, número igual ao resgatado pela Universidade do Vale do Itajaí (Univali). A equipe do PMP-BS junto a Universidade do Estado de SC (Udesc) resgatou três pinguins. Todas as instituições junto com a R3 Animal executam o PMP-BS no Estado.

    O primeiro grupo liberado nesta temporada 2020, com 20 pinguins, ocorreu no dia 3 de agosto. A segunda leva ocorreu no dia 24 de agosto, com 13 pinguins. Em 2019, 67 pinguins foram reabilitados com sucesso e soltos pela R3 Animal.

    Todos os pinguins passaram por exames complementares, realizaram o teste de impermeabilização das penas e receberam um microchip com um número de identificação.

    Os pinguins que encalham nas nossas praias, em sua grande maioria, são animais juvenis, estão em seu primeiro ano de vida e encaram pela primeira vez a longa viagem de migração.

    A falta de experiência dos jovens pode causar dificuldade em se alimentar, muitos se perdem dos bandos e ficam debilitados, encalhando nas praias. Há também aqueles que interagem com petrechos de pesca. Mesmo não sendo fauna alvo de pescarias eles podem ser capturados incidentalmente. É a chamada captura bycatch, ou seja, não intencional.

    🐧 Encontrou um pinguim encalhado?
    ✳️ Mantenha distância e afaste os animais domésticos, eles podem transmitir doenças aos pinguins

    ✳️ Se possível, use uma toalha para conter o pinguim e coloque-o em uma caixa de papelão para mantê-lo aquecido. Cuidado com o bico!

    ✳️ Não o alimente, não molhe, jamais coloque-o no gelo. Se ele saiu da água, pode estar cansado, desidratado, doente ou com a temperatura corporal baixa. Não o force a entrar na água.

    ✳️ Ligue no telefone 0800 642 3341 e a base mais próxima do PMP-BS irá resgatar o animal.

    ➡️O CePRAM/R3 Animal fica localizado no Parque Estadual do Rio Vermelho, unidade de conservação sob responsabilidade do Instituto do Meio Ambiente (IMA-SC), em parceria com a Polícia Militar Ambiental.
    ➡️O PMP-BS é uma atividade desenvolvida para o atendimento de condicionante do licenciamento ambiental federal, conduzido pelo Ibama, das atividades da Petrobras de produção e escoamento de petróleo e gás natural na Bacia de Santos.
    ➡️O objetivo é avaliar possíveis impactos das atividades de produção e escoamento de petróleo sobre as aves, tartarugas e mamíferos marinhos, através do monitoramento das praias e atendimento veterinário aos animais vivos e necropsia dos encontrados mortos.
    ➡️O PMP-BS é realizado desde Laguna/SC até Saquarema/RJ, sendo dividido em 15 trechos. Em Florianópolis, o Trecho 3, o projeto é executado pela R3 Animal.
    #Spheniscusmagellanicus #pinguim #Penguins #WildLife #MarineBiology #MarineAnimals #Seabirds #MarineBirds #R3Animal #MonitoramentoDePraias #PMP_BS

©2020 RZ FLORIPA - Riozinho

Enviando
ou

Fazer login com suas credenciais

ou    

Esqueceu sua senha?

ou

Create Account